Encruzilhada

Está se aproximando o dia em que o Supremo Tribunal Federal  reavaliará   aquela decisão anterior  sobre prisão após julgamento na Segunda Instancia.Conforme se tem divulgado  por este Brasil afora,somos, ao que parece, um dos poucos países  que, sem qualquer pudor moral aplicamos a  nefanda e asquerosa   prática de   jogar para as calendas  a punição de bandidos.Essas  terceiras e quartas instancias são na verdade uma jabuticaba jurídica.Elas permitem que recursos infindáveis sejam usados cinicamente para postergar julgamentos e sanções até que  caduquem por prescrição dos crimes.E nossa Corte sabe muito bem disso.Mas suas excelências demonstram um inusitado zêlo,especialmente  quando se trata de proteger bandidos travestidos de autoridades públicas.Aí. enchem a boca pra falar de amplo direito de defesa,de  garantir o contraditório e assegurar as liberdades do estado democrático de direito e bla,bla,bla.Nunca lhes passa pela cabeça que ao  roubar,delinqüir,cometer peculato esses canalhas estão,na verdade,retirando do cidadão comum o direito à vida,à saúde,à educação,tirando enfim a sua dignidade , sua auto estima e o seu futuro.Onde fica o direito desses cidadãos?

Ao permitir a prisão após a segunda instancia ,nenhum direito desses bandidos estará sendo suprimido ou desrespeitado.Permanecerão inalteradas  suas prerrogativas de recorrer sempre que se julgarem injustiçados.A medida  somente trará benefícios à nação.Aqueles recursos meramente protelatórios deixarão de existir.A pauta do judiciário será aliviada e, o mais importante:deixará de existir  no povo aquela sensação de que  os poderosos sempre se safam.

Essa decisão a ser tomada pelo Supremo   tende a ser a mais importante  dos últimos tempos.O Brasil está numa encruzilhada e os ministros do Supremo também.Se a decisão for pela manutenção da prisão  após  julgamento na segunda instancia, estaremos dando um gigantesco passo  na aplicação de uma justiça   realmente     moralizadora.Caso ocorra o contrario poderá aquela Corte  ser julgada pela História  como  covarde, casuística ,promiscua e leniente  com aqueles que  , desavergonhadamente assaltaram o Estado e afrontaram a Nação.Se decidir que é mais importante proteger bandidos e canalhas  ignorando  os anseios da sociedade,ela se transformará em cumplice da impunidade e da bandidagem.Será a completa desmoralização daquela   Corte e o Brasil continuará   a ser a Republica    dos ladrões e poderosos como tem sido desde as Capitanias Hereditárias.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s